A 34ª edição do Simpósio Brasileiro de Redes de Computadores e Sistemas Distribuídos (SBRC), realizada de 30 de maio a 3 de junho em Salvador, Bahia premiou o artigo "Um protocolo FSA com resolução imediata de colisões para sistemas RFID sob o efeito captura" entre os trẽs melhores artigos do SBRC.

O conteúdo do artigo foi fruto da fase final da tese de doutorado do Rafael Perazzo Barbosa Mota. A pesquisa sobre o tema específico do artigo iniciou-se no começo de 2015. "Eu vinha investigando os protocolos FSA em ambientes sem a ocorrência do efeito captura. Observei que ambientes sem efeito captura não existem na prática, apenas na teoria. A partir disso, comecei a pesquisar sobre o efeito captura em redes sem fio em geral até chegar nos sistemas RFID. Buscando na literatura observei que poucos autores consideravam o efeito captura nas propostas. Resolvi investir tempo na investigação do tema, uma vez que já conhecia os protocolos operando em ambientes sem o efeito. Descobri uma forma de usar o fenômeno a favor da melhoria do desempenho. Consegui definir o algoritmo, escrever, testar e avaliar", conta. 

A partir dos resultados preliminares, juntamente com o orientador Prof. Daniel Batista, Rafael fez a proposta de artigo para a disciplina da pós Programação para redes de computadores. O Henrique se interessou pelo tema, e começou a escrever o artigo sob supervisão de Rafael: "como é da área de Teoria da Computação, ele complementou o artigo através do estudo analítico da proposta, o que praticamente fechou bem o escopo do trabalho. Em resumo, conseguimos juntar nossas melhores habilidades e gerar um artigo bem estruturado e completo do ponto de vista científico".

No total foram enviados cerca de 230 artigos, onde cerca de 80 foram selecionados para apresentação. Cada artigo foi avaliado por no mínimo 3 avaliadores, sendo que a maioria foi avaliado por 4 revisores. A revisão dos artigos durou cerca de 3 meses. Dos 80 selecionados, 3 foram escolhidos como os melhores.
 

Parabéns aos autores, Henrique Stagni, aluno de pós-graduação, sob orientação do Prof Yoshiharu Kohayakawa, Rafael Perazzo Barbosa Mota, ex-aluno de Doutorado, sob orientação do Prof. Daniel Macedo Batista, que é também um dos autores do artigo.