A pesquisa do aluno Rodrigo Campiolo, doutorando do Departamento de Ciência da Computação do IME-USP, com orientação do Prof. Dr. Daniel Macêdo Batista, propõe o desenvolvimento de uma ferramenta para monitorar atividade maliciosa e detectar antecipadamente eventos e incidentes de segurança, através da correlação e análise de dados providos por sensores de redes tradicionais e outras fontes, como redes sociais, fóruns e registros de redes virtuais.

 

Os Sistemas de Alerta Antecipado (em inglês, Early Warning Systems) são muito utilizados para mitigar as consequências de desastres naturais. Um tsunami, por exemplo, se detectado com antecedência, pode ter um impacto consideravelmente menor no número de mortes e nas perdas materiais da região atingida.

 

Segundo Campiolo, mesmo quando um ataque é detectado, a cooperação limitada entre administradores de sistemas muitas vezes não evita que outros potenciais alvos sejam atacados. Justamente por isso, um bom EWS não apenas detecta ou prevê ameaças, mas propaga os alertas de forma eficiente, alcançando o maior número possível de interessados.

 

Notícia Completa