Download como arquivo ICAL
Argumentação e prova matemática na educação básica
Sexta-feira 15 Dezembro 2017, 14:00
Contato: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

CANDIDATO: André Rodrigues Rosale

ORIENTADORA: Professora Doutora Martha Salerno Monteiro

RESUMO:

ROSALE, A. R. Argumentação e prova matemática na educação básica. 2017 131 f. Dissertação (Mestrado) – Instituto de Matemática e Estatística, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017.
Neste trabalho, buscamos propor atividades e relacionar ações que o professor de Matemática pode adotar durante as aulas, com o objetivo de propiciar a melhora do nível de argumentação e prova de seus alunos da Educação Básica.
Inicialmente, pesquisamos sobre as definições de prova sob a ótica do ensino de Matemática, em que concluímos que o desenvolvimento de argumentações e provas é fundamental para que os objetivos dos PCN sejam alcançados. Com análise das avaliações do PISA, notamos que, em geral, os estudantes brasileiros possuem baixo desempenho em relação as habilidades que envolvem generalizações e desenvolvimento de provas. Na tentativa de propor melhorias a esse cenário, acreditamos que o desenvolvimento de provas na Educação Básica não deve se restringir as demonstrações aceitas pela comunidade matemática. Para isso, o professor deve conhecer e aceitar os diversos tipos de provas apresentados por seus alunos. Nesse ponto, a formação do professor de Matemática é essencial. Por fim, desenvolvemos atividades e aplicamos em uma sala do 9º ano do Ensino Fundamental, o que possibilitou, após as análises, que realizássemos conclusões sobre as características das atividades que propiciam o desenvolvimento de provas e ações que possibilitam a melhora do nível de argumentação de nossos estudantes.
Palavras-chave: argumentação, prova, demonstração, educação básica, raciocínio.

Local IME-USP - Sala 132"A"