Iniciação Científica

O que é a Iniciação Científica?

A Iniciação Científica é um programa que atende alunos dos cursos de graduação, colocando-os em contato com pesquisadores do IME-USP e suas linhas de pesquisa,visando o aprendizado e desenvolvimento de conceitos e métodos mais avançados do que o usualmente vistos nos cursos regulares de graduação, incluindo tópicos de pesquisa corrente.
O contato entre estudante e pesquisador é livre. A CPq apenas facilita este contato através do site www.ime.usp.br/iniciacao. Visite-o e, caso você seja aluno de iniciação científica, cadastre-se.

 

Bolsas de Iniciação Científica

Há uma série de oportunidades de bolsas para projetos de Iniciação Científica. Estas em geral destinam-se a alunos de cursos de graduação para desenvolvimento de atividades de pesquisas sob a orientação e responsabilidade de um pesquisador qualificado.
CNPq, CAPES e FAPESP oferecem bolsas de Iniciação Científica.

 

Bolsa do CNPq

O CNPq destina bolsas de seu programa PIBIC de duas formas.
(1) Bolsas de Iniciação Científica do CNPq são destinadas à Universidade em forma de cotas, que são por sua vez distribuídas às unidades universitárias e finalmente atribuídas aos projetos individuais.
Na USP, a Pró-Reitoria de Pesquisa é o órgão responsável pela administração e distribuição das cotas para as Unidades. Esse programa recebe o nome de Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC/USP/CNPq).
No Instituto de Matemática e Estatística da USP, o processo de seleção e acompanhamento dos projetos participantes do Programa é coordenado pela Comissão de Pesquisa (CPq).
As bolsas PIBIC tem duração de um ano, começando em agosto e terminando em julho; assim sendo, o processo seletivo, normalmente, tem início no mês de abril quando são divulgadas as diretrizes gerais e o calendário para apresentação das solicitações.
A inscrição para o processo de seleção é feita na Secretaria da Comissão de Pesquisa e consiste na apresentação do projeto de pesquisa, histórico escolar, formulários próprios devidamente preenchidos, Currículo LATTES do orientador e do estudante.
Para mais informações, o estudante e/ou orientador, devem procurar, à época do período de seleção a Comissão de Pesquisa onde obterá as informações precisas sobre todo o processo, ou aguardar a divulgação destas informações.
(2) O pesquisador bolsista de produtividade do CNPq também pode submeter seu projeto de iniciação científica para obtenção de bolsa para seu orientando diretamente ao CNPq, segundo editais divulgados a cada três anos (a partir de 2004) para esse fim.
Para mais informações, consulte o Edital abaixo.


Bolsa da CAPES

As bolsas de Iniciação Científica da CAPES estão inseridas no Programa Especial de Treinamento (PET). Esse programa é institucional, ligado à Pró-Reitoria de Graduação.
Os grupos PET podem ser implantados em qualquer área do conhecimento, por iniciativa dos colegiados de curso ou por iniciativa de um ou mais departamentos envolvidos e devem contar com um tutor que deverá ser um pesquisador qualificado.

 

Bolsa da FAPESP

As bolsas de Iniciação Científica da FAPESP devem ser propostas pelo orientador diretamente à entidade. A solicitação deve ser encaminhada em formulário próprio em qualquer época do ano. O prazo de análise é de aproximadamente 75 dias.
Todas as informações acerca dessa modalidade de bolsa pode ser obtida no site da FAPESP.

 

editais.jpg

 

 

EDITAL 2014/2015 PIBIC

EDITAL 2014/2015 PIBIT
   


formularios.jpg

 

Relatórios Parciais

Relatório parcial Santander- Orientador

Relatório parcial Santander- Parecerista

Relatório parcial PIBIC-CNPq- Orientador

Relatório parcial PIBIC-CNPq- Parecerista

Relatório parcial Bolsa Institucional- Orientador

Relatório parcial Bolsa Institucional- Parecerista

 

Relatórios Finais

Relatório final Santander- Orientador

Relatório final Santander- Parecerista

Relatório final PIBIC-CNPq- Orientador

Relatório final PIBIC-CNPq- Parecerista

Relatório final Bolsa Institucional- Orientador

Relatório final Bolsa Institucional- Parecerista